Probat Leogap eleva sua participação no segmento de torradores para cafés especiais

PressPaulo

A cultura do café está presente em nossa sociedade há muito tempo. Começou na Etiópia, onde os povos africanos aproveitaram o fruto na confecção de bebidas e ao longo dos séculos se transformou em uma cultura de grande importância, geradora de grande riqueza econômica. Hoje assistimos ao crescimento do mercado de cafés especiais, que cada dia mais vem conquistando a preferência dos consumidores.

No mundo dos cafés, a empresa alemã Probat vem participando ativamente da evolução do setor. Neste ano, a marca está completando 150 anos e ao longo de sua trajetória sempre investiu no desenvolvimento de torradores e soluções que extraiam o melhor dos grãos de café. Segundo Paulo Kleinke, CEO da Probat Leogap (subsidiária brasileira), a Probat é líder mundial no fornecimento de equipamentos e soluções para indústrias de cafés. No mercado nacional, a empresa já atua há 55 anos no desenvolvimento dos melhores torradores e soluções para o mercado de cafés especiais.

A Probat é a empresa que mais entende de café no mundo. Somos líderes em pesquisa e inovação, o que nos ajudou a conquistar praticamente 60% de participação no mercado mundial. No Brasil, fornecemos para 85% das indústrias de café“, afirma Paulo.

A Probat Leogap iniciou sua trajetória fornecendo equipamentos para as maiores indústrias de café no Brasil e se consolidou como um dos principais players no segmento. Nos últimos anos, tem apostado em novos mercados: os microtorrefadores, um universo composto principalmente por fazendas e coffeeshops.

Somos muito conhecidos na área industrial, tanto que na maioria das vezes eram os clientes que vinham até nós. Mas hoje percebemos uma demanda consistente para torradores menores. Por essa razão, trouxemos para o mercado nacional a linha ShopRoaster, composta por torradores de capacidade de 1kg até 60kg“, ressalta Paulo.

Atualmente muitas fazendas estão se tornando microtorrefadoras. De acordo com Kleinke, quem já era produtor passou a aprimorar e a estudar mais para desenvolver a qualidade de seu café. Para se diferenciar, começaram a fazer a torra e até mesmo a criar sua própria marca.

A fábrica da Probat Leogap em Curitiba-PR, realiza toda a montagem da linha de torradores Probatone, com peças importadas da Alemanha. Já o Probatino é produzido totalmente no Brasil e exportado para o mundo. Um equipamento muito utilizado em campeonatos mundiais de café. Este pequeno torrador, com capacidade de 1kg de torra por carga, era apenas exportado, mas foi tão bem recebido nacionalmente, que segundo Kleinke, atualmente 50% dos Probatinos fabricados são vendidos no Brasil, enquanto o restante vai para o exterior.

“Ter um torrador Probatino dentro da cafeteria desperta atenção dos clientes pelo visual e pelo aroma que fica no ambiente. Quem gosta de café quer saber a procedência do café da fazenda e ver as etapas como a torra e a moagem antes da preparação da bebida. Muita gente não conhece um equipamento de torra e quando vê se interessa ainda mais pelo café, o que contribui para as cafeterias fidelizarem seus clientes”, comenta Paulo.

As tecnologias utilizadas nos equipamentos da linha Probatone foram aperfeiçoadas ao longo dos anos por meio de pesquisas e apresentam inúmeras vantagens ao torrefador, que pode, por exemplo, efetuar variações nas curvas de torra, armazenar diferentes receitas e garantir a repetibilidade de forma sistemática, sempre extraindo a máxima qualidade dos grãos.

Nossos equipamentos são fabricados com base nas normas mais avançadas do mundo, as normas europeias de segurança. São torradores que se destacam pela versatilidade, perfeição na torra e beleza no design. Muitos proprietários de torradores Probat tem orgulho em exibir o equipamento em seus ambientes, colocando-os em destaque e chegam até a dar apelido para suas máquinas”, reforça Paulo.

Para incentivar empreendedores e mestres de torra a adquirirem os torradores, a Probat conta atualmente com opções que facilitam o processo de aquisição. “Disponibilizamos o financiamento através do BNDES e do Finame, para estimular os clientes a começar o seu negócio com um equipamento de ponta. A maioria dos clientes não volta atrás depois que começa a utilizar um torrador da Probat, e quando vendem é para comprar uma máquina mais nova ou de maior capacidade. Pra nós isso é bastante gratificante”, destaca Kleinke.

Para suportar o crescimento, a Probat Leogap fez adaptações para otimizar o atendimento de seus clientes, uma delas foi criar uma equipe dedicada ao segmento de microtorrefadores. O segmento de microtorrefação é composto por pessoas que têm uma experiência diária com o café como mestres de torra, fazendeiros e baristas. Segundo Paulo, trata-se de um público bastante sensorial, exigente, que preza pelo sabor, aroma e qualidade.

Acredito que estamos satisfazendo as necessidades desse público com bastante eficiência. E isso só acontece porque oferecemos aos clientes as melhores condições de torra, de modo que eles possam proporcionar a seus consumidores uma experiência singular na hora de provar um café”, defende Paulo.

A Probat Leogap tem trabalhado com ótimas perspectivas de crescimento em todos os segmentos em que atua. “Estou bastante satisfeito com o mercado de cafés especiais e estamos confiantes para os próximos anos que podemos crescer na linha ShopRoaster, na linha industrial e nas exportações. Nossa expectativa de crescimento é de pelo menos 30%. Somente neste ano, já conseguimos crescer 100% em volume“, ressalta Paulo.